Produção de usinas solares no Piauí e na Bahia é iniciada

Resultado de imagem para Produção de usinas solares no Piauí e na Bahia é iniciada

Em tempos de sustentabilidade a energia se torna um tema essencial quando se fala de energia renovável. Quando uma usina solar opera, uma grande capacidade de captação de energia e conversão será transformada em energia elétrica, e sucessivamente comercializada e utilizada. Quando esse tipo de energia é utilizada existem várias vantagens, no entanto, o funcionamento dessa tecnologia não é da mais simples, o que exige um investimento alto em tecnologia.

Em duas usinas solares no Brasil, a empresa italiana Enel por meio de sua controlada para renováveis Enel Green Power Brasil Participações iniciou a produção de energia na segunda-feira (18), foram totalizados 546 MW.

Atualmente os parques de Ituverava, na Bahia, e Nova Olinda, no Piauí, têm capacidade atual de produção de 254 MW e 292 MW, respectivamente. Esses lugares são os maiores produtores da América do Sul.

Existem dois tipos de usinas: as fotovoltaicas e as heliotérmicas. As usinas fotovoltaicas que são a maioria das existentes, estão compostas de painéis que podem ser vistos nos telhados de residências. Uma grande área de painéis fotovoltaicos são utilizados para captar e converter a energia solar.

Em uma usina heliotérmica acontece um processo semelhante a usinas baseadas na queima de combustível, pois existe a intenção de concentrar a energia solar que foi captada em pontos diferentes, com essa energia reunida em um único ponto a usina irá aquecer e pressurizar um fluido que irá ativar os geradores. A vantagem desse tipo de energia ocasiona maior preservação de recursos naturais escassos, como os combustíveis fósseis.

Em Nova Olinda foram investidos aproximadamente US$ 300 milhões, onde existem cerca de 930 mil painéis solares em uma área de 690 hectares, a sua capacidade de produção é de mais de 600 GWh por ano, correspondente ao consumo anual quase 300 mil famílias no país.

Em Ituverava a construção teve um investimento de aproximadamente US$ 400 milhões e tem em sua estrutura quase 850 mil painéis solares em uma área de 579 hectares. A partir do momento em que estiver ativa, a sua capacidade de geração de energia será de 550 GWh que corresponde a 268 mil famílias brasileiras.

 

 

Author: VLBrazil